26 setembro

Por uma vida menos ordinária

Comentários

image

Pois é minhas amigas, meus migos… Este post é um manifesto por uma vida menos ordinária em território doméstico. Por mais projetos inacabados, em andamento, em pleno fervilhar de ideias! Por cenários menos certinhos, por menos tentativas de perfeição (ela não existe, lembra?), pela coragem de assumir seus próprios defeitos e os da sua casa também, por que não? Na realidade, vou te contar um segredo: é chato quando tudo parece muito arrumado, com cara de vitrine de loja ou de mostra badalada de decoração. Legal é quando nos aventuramos, escolhamos caminhos dificultosos, deixamos coisas pela metade como um lembrete de que a nossa vida é uma infinita construção. Quando a gente acha que acabou, que não tem mais nada pra fazer ali, pode ter a certeza do equívoco. Casa nunca está pronta porque nós nunca estamos prontos. E é justamente essa a graça da história. Deixo esse pensamento com vocês nessa segundona inspirada + duas imagens que adoro: dos vasinhos de concreto (hit do momento no quesito jardinagem entre quatro paredes) e a da incrível parede que parece ter sido abandonada por algum pintor de paredes relapso. Mas que, na real, é uma das mais lindas que já vi. Viva a vida loca, meu bem!

image

comentários